Curso de garçom ressocializa adolescentes da Unei Laranja Doce de Dourados

Campo Grande (MS) – A formação profissional é um dos principais objetivos do Programa Socioeducativo e Mato Grosso do Sul tem se destacado no cenário nacional. Em Dourados, a Unidade Educacional de Internação Masculina Laranja Doce encerrou o curso de Técnicas Básicas para Garçom com a certificação de 10 adolescentes.

O treinamento é resultado das parcerias entre a Superintendência de Assistência Socioeducativa (SAS), Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC/MS) e Vara da Infância e Juventude de Dourados, tendo como foco a reinserção social do adolescente autor de ato infracional através do conhecimento e profissionalização.

Com 40 horas de aprendizagem, o curso de Garçom contou com aulas teóricas e práticas abordando temas como Ética e Trabalho; Postura Profissional; Apresentação Pessoal, Trabalho em Equipe, Higiene Pessoal e Ambiental. O objetivo foi aplicar as técnicas básicas conforme a demanda do serviço de atendimento, utilização de utensílios e organização do trabalho realizado em restaurantes, hotéis ou bares.

Para o adolescente G. X. de 19 anos, que há um ano e nove meses cumpre a medida socioeducativa de internação, o curso trouxe novas perspectivas para o seu futuro. “Achei uma ótima oportunidade, e assim que conseguir a liberdade quero ser garçom e ainda estudar mais sobre a profissão. Acho que já tenho emprego garantido no buffet onde foi realizei a aula prática do curso”, declara o adolescente.

Já a adolescente M. L., disse que o curso de garçom trouxe o certificado que tanto sonhava. “Já trabalhei como garçom, tenho um pouco de prática e até carteira assinada, mas é a primeira vez que faço um treinamento relacionado a profissão que eu gosto. Hoje, o certificado me trouxe felicidade”.

Para o diretor da Unei Laranja Doce, José Marcondes Nantes de Brito, a realização de cursos de iniciação profissional aliada à escolarização tem oportunizado aos adolescentes novos conhecimento e novas perspectivas de vida. “Todos necessitam de uma segunda chance na vida e a profissionalização traz essa perspectiva de mudança de comportamento”, acredita o diretor.

Segundo a gerente do SENAC Dourados, Lucélia Castro, a missão da instituição é levar conhecimento a todos e através dele agregar valores sociais que contribuirão para um futuro melhor. “Um adolescente certificado está capacitado para prestar um atendimento de qualidade ao cliente de acordo com a necessidade do serviço de pratos e bebidas. E o projeto prima pelo conhecimento através da educação e, assim, contribuir de forma efetiva com o processo de ressocialização dos adolescentes”, pontuou o gerente do SENAC.

O superintende de Assistência Socioeducativa, Celso de Oliveira, afirma que as parcerias com o SENAC e com a Vara da Infância e Juventude de Dourados fortalece o trabalho socioeducativo do Estado. “Os nossos adolescentes necessitam de oportunidades e quando firmamos parcerias potencialmente fortes como SENAC no papel de executora e Vara da Infância e Juventude com propositora do evento, o sucesso é garantido”.

“A Formação Profissional é uma das formas de traçar novos caminhos para a vida”, disse o Juiz de Direito da Vara da Infância e Juventude de Dourados, Zaloart Murat Martins de Souza, durante a cerimônia de encerramento do curso que aconteceu na semana passada.

O magistrado afirmou que é necessário também um olhar de cunho social por partes das instituições e contribuir para o futuro promissor de todos. Ele também informou que o Buffet onde aconteceram as aulas práticas já sinalizou interesse na contratação daqueles adolescentes que realmente quiserem exercer a profissão de garçom.

A solenidade de entrega dos certificados de conclusão do Curso de Garçom, foi realizada na semana passada e participaram do evento o coordenador de Segurança, Guarda e Proteção da Superintendência de Assistência Socioeducativa, Jair de Carvalho; a promotora de Justiça da Vara da Infância e Juventude de Dourados, Fabrícia Barbosa Lima, servidores da Unei Laranja Doce, funcionários do SENAC Dourados e familiares dos adolescentes.

Cursos 

Em Mato Grosso do Sul a Superintendência de Assistência Socioeducativa (SAS) através de parcerias com o “Sistema S” (SENAC, SENAR e SENAI) já concluiu até o mês de agosto, mais de 30 cursos de iniciação profissional e palestras de promoção social. Aproximadamente 300 adolescentes em cumprimento a medida socioeducativa de internação e semiliberdade.

Texto: Nathya Ayala Sant´Ana da Superintendência de Assistência Socioeducativa